domingo, 1 de março de 2009

Royalties para Saquarema!!!

O Pólo Uruguá, da Bacia de Santos, entre Maricá e Saquarema, é constituído de cinco campos (Uruguá, Tambaú, Pirapitanga, Carapiá e Tambuatá) e vai entrar em operação em 2010, quando estes municípios começarão a receber royalties.

A Petrobrás realizou audiência pública, no Colégio Washington Luís, presidida pelo IBAMA, com autoridades da empresa e outras instituições, para apresentar o RIMA (Relatório de Impacto no Meio Ambiente) do Pólo Uruguá, um dos cinco pólos da Bacia de Santos, localizado a cerca de 165 quilômetros da nossa costa. Formado pelos campos Uruguá, Tambaú, Pirapitanga, Carapiá e Tambuatá, a produção do Pólo Uruguá vai aumentar a oferta de gás natural e petróleo no mercado brasileiro.
O Pólo está situado na profundidade de 750 a 1.850 metros da lâmina d’água, na porção norte da Bacia de Santos, mais ou menos entre Saquarema e Maricá. Os campos de Uruguá e Tambaú serão os primeiros a serem explorados, devendo entrar em operação em 2010. Em seguida, o de Pirapitanga, em 2012, Carapiá, em 2013 e em Tambuatá, em 2016. Apesar da crise financeira mundial, este cronograma não deverá ser alterado, o que significa que a previsão de pagamento dos primeiros royalties para o município deverão ocorrer a partir de março de 2010.
Bastante informativos, os responsáveis pela audiência pública explicaram que o navio plataforma que vai operar no Pólo Uruguá será o FPSO Cidade de Santos, que terá potencial para produzir até 10 milhões de metros cúbicos de gás por dia e 35 mil barris de petróleo. O gás será escoado através de um gasoduto que ligará o navio-plataforma (FPSO) até a Plataforma de Mexilhão, de onde seguirá para a Unidade de Tratamento de Gás Monteiro Lobato, em Caraguatatuba, São Paulo.
O petróleo produzido pelos quatro primeiros campos (Uruguá, Tambaú, Pirapitanga e Carapiá) serão destinados aos principais terminais do sudeste. Já a produção do campo de Tambuatá, previsto para começar a ser explorado somente a partir de 2016 será realizada por outro navio-plataforma, o FPSO Tambuatá. O navio-plataforma (FPSO) Cidade de Santos está sendo construído na China.
Foram propostas pelo IBAMA várias medidas a serem implementadas: projeto de monitoramento ambiental, projeto de controle da poluição, projeto de comunicação social, projeto de educação ambiental, projeto de educação ambiental para os trabalhadores e projeto de desativação (quando se encerrar a atividade de exploração de petróleo e gás), além de um plano de emergência, para os casos de acidentes.

Fonte: Jornal "O Saquá"

Ai vamos nós Saquarema! Breve estaremos aí!


Um comentário:

Regina Fernandes disse...

Estou contando os dias para essa chegada... vai ser uma nova etapa, um novo ciclo, feliz e abençoado.
Bjs
LU